ASSU NET

ASSU NET

Rádio Princesa do Vale

Acompanhe a Rádio Princesa do Vale ao Vivo

terça-feira, 10 de novembro de 2015

Após 38 anos, novo técnico do Mecão lembra passado como atleta do time.


Beto Santos - Aluísio Guerreiro América-RN (Foto: Jocaff Souza/GloboEsporte.com)Aluísio Guerreiro foi apresentado no América-RN (Foto: Jocaff Souza)

O anúncio de Aluísio "Guerreiro" Moraes para ser o técnico do América-RN na temporada 2016 surpreendeu quem não conhece a ligação histórica do jogador com o clube. Após 38 anos, o ex-centroavante volta ao Rio Grande do Norte para vestir a camisa do Mecão, por onde foi campeão estadual em 1977. Guerreiro foi contratado para substituir Roberto Fernandes, que não conseguiu levar o Mecão à fase de mata-mata da Série C do Campeonato Brasileiro deste ano, mesmo conquistando o Campeonato Potiguar, e acabou não renovando seu vínculo com o clube americano. Na primeira passagem pelo Alvirrubro, em 1977, o então centroavante Aluísio Moraes acabou como o artilheiro do estadual, com 16 gols. A decisão daquele campeonato ficou marcada pela confusão generalizada no campo de jogo, após o árbitro José Faville Neto, aos 29 minutos do segundo tempo, expulsar todos os jogadores de ABC e América-RN, incluindo os reservas. O título acabou decidido no tapetão. Naquele estadual, o time do América-RN foi formado por Cícero, Ivan Silva, Joel Santana, Argeu, Ronaldo Alves e Jorge Nery; Macarrão, Ronaldo Ferreira, Rogério e Alberi; Aluísio Guerreiro e Ivanildo.
América-RN campeão potiguar de 1977 (Foto: Arquivo Pessoal/Ribamar Cavalcante)' 
Guerreiro foi artilheiro do América-RN e conquistou
o Potiguar de 1977 (Foto: Arquivo Pessoal/Ribamar Cavalcante)
Me lembro com muito orgulho. Este é um dos times que está na memória dos americanos e deu muitas alegrias aos torcedores. Foi uma batalha até fora do campo e, inclusive, recebi várias ameaças na época. Mas, jogo se ganha dentro de campo. E é isso que eu quero para a minha equipe e espero que ela trabalhe assim, com muita força e garra - comentou o novo técnico do América-RN durante a apresentação ao clube.
Aluísio Guerreiro Moraes - técnico do América-RN - campeão potiguar 1977 (Foto: Arquivo Pessoal/Ribamar Cavalcante) 
Aluísio Guerreiro, de braços erguidos, comemora título
potiguar de 1977 (Foto: Arquivo Pessoal/Ribamar Cavalcante)


Aluísio Guerreiro também foi eleito para a seleção do século do Mecão, ao lado de Ivan Silva, Scala, Rafael, Djalma, Sérgio Poti, Hélcio Xavier, Pancinha, Véscio, Baltazar e Saquinho. Para o pesquisador Ribamar Cavalcanti, o ex-centroavante teve uma grande atuação com a camisa alvirrubra e conseguiu marcar o nome na história do clube.Ele foi um grande jogador, era o terror dos zagueiros. No mesmo ano em que ele foi campeão, quem esteve no América-RN e jogou com ele foi Joel Santana, que atualmente é treinador e foi zagueiro daquele time. Outro destaque foi o ex-jogador Alberi, que havia trocado o ABC pelo América-RN - lembra Ribamar.
Por Natal

Nenhum comentário:

Postar um comentário