ASSU NET

ASSU NET

Rádio Princesa do Vale

Acompanhe a Rádio Princesa do Vale ao Vivo

quinta-feira, 13 de abril de 2017

América vence o ASSU e elimina sonho do Camaleão chegar à final da Copa RN.


O ASSU não conseguiu apresentar um bom futebol e acabou derrotado pelo América(foto Roberto Meira).
O ASSU sonhou com a chegada à final da Copa RN que equivale ao 2º Turno do Campeonato Potiguar. A torcida também vislumbrou essa possibilidade e atendeu a convocação da diretoria do clube indo ao Edgarzão para debaixo de chuva torcer por uma vitória do Camaleão. Mas dentro de campo o time não apresentou volume de jogo o suficiente para sair vitorioso. Coube ao América que também pouco fez aproveitar melhor as chances que teve para fazer 2 a 0 sendo o segundo de pênalti. Os gols da vitória americana foram marcados pelo atacante Daniel Morais aos 25 e 27 minutos respectivamente da etapa final. O jogo foi válido, pela última rodada classificatória do certame. A derrota fez o ASSU se despedir da competição para tristeza de dirigentes, jogadores, membros da comissão técnica e torcedores.
Ruim para o ASSU pior para o Alecrim.
Perder para o América foi ruim e decepcionante para o ASSU. Mas a 7ª rodada da Copa RN foi ainda pior para o Alecrim que de virada perdeu para o ABC no Frasqueirão e foi rebaixado para a 2ª Divisão do Campeonato Potiguar. Coincidência ou não, mais um time no qual predominam as cores, branco e verde. Nos últimos anos dos quatro clubes que desceram para a segundona três são alviverdes. O primeiro foi o ASSU em 2014. No ano seguinte veio a exceção com a queda do Força & Luz. Mas em 2016 o Palmeira de Goianinha foi rebaixado e este ano o Alecrim. O ASSU deu a volta por cima em 2015 sendo campeão da 2ª Divisão. Do Palmeira ainda não se tem notícia da participação do clube na competição (2ª Divisão) de 2017. Já a respeito do Alecrim os dirigentes admitem a possibilidade de licenciamento junto a Federação Norte-rio-grandense de Futebol (FNF). Em suma, o futuro do mais que centenário Alecrim é incerto.
Por Gustavo Varela/Redação da Rádio Princesa

Nenhum comentário:

Postar um comentário