ASSU NET

ASSU NET

Rádio Princesa do Vale

Acompanhe a Rádio Princesa do Vale ao Vivo

segunda-feira, 4 de abril de 2016



                                            Potiguar de Mossoró lidera a classificação geral do Campeonato Potiguar.

As duas últimas rodadas do segundo turno do Campeonato Potiguar reservam muitas emoções. Quatro equipes brigam para chegar à final e o curioso é a existência de confrontos diretos. Líder com 11 pontos, o Potiguar de Mossoró é o único que só depende das próprias forças para ir à decisão e encara ABC e Alecrim, segundo e terceiro colocados, com 10 pontos. O ASSU, que tem oito pontos e corre por fora nesta disputa, enfrenta os mesmos adversários do Alvirrubro mossoroense e pode definir o destino de todos os envolvidos. Na classificação geral, o Potiguar continua na ponta, com 25 pontos(veja quadro ao lado), e está 99% garantido na Série D. Matematicamente, ainda precisa de um ponto. Globo FC e ASSU também aparecem bem nesta corrida. O Potiguar só perde uma das vagas do Rio Grande do Norte para o Campeonato Brasileiro com uma combinação complicada: o time do técnico Bira Lopes teria que perder os dois últimos jogos no returno; o título estadual teria que ficar com Alecrim ou ASSU; e o Globo teria que ganhar as duas partidas que fará. Com esta possibilidade, o Globo entraria pela classificação geral, com 26 pontos, e a primeira vaga, como diz o regulamento, seria do campeão estadual. Quanto à decisão do returno, o Potiguar carimba o passaporte com uma vitória sobre o Alecrim, independentemente dos outros resultados - chegaria a 14 pontos, sem poder ser alcançado pelo terceiro lugar. De quebra, alcançaria 28 pontos nos dois turnos e, caso vença o returno, teria a vantagem de fazer o segundo jogo da decisão contra o América-RN - campeão da Copa Cidade do Natal - no Estádio Nogueirão, em Mossoró.
Confira abaixo os jogos que têm importância nas últimas rodadas:
6ª rodada
ASSU x ABC
Potiguar x Alecrim
América-RN x Globo FC
7ª rodada
ABC x Potiguar
Globo FC x Palmeira-RN
Alecrim x ASSU

Por GloboEsporte.comNatal.

Nenhum comentário:

Postar um comentário